VISITA DE ESTUDO: NOS CAMINHOS DO PATRIMÓNIO MINEIRO E DA FILIGRAMA

A UPP realiza no dia 15 de Julho, quinta-feira, uma visita de estudo ao património mineiro de S. Pedro da Cova e da arte da filigrama em Gondomar.

NOS CAMINHOS DO PATRIMÓNIO MINEIRO:
As referências históricas sobre a "Terra Mineira" de S. Pedro da Cova remontam aos princípios da fundação de Portugal, tendo o "Couto de S. Pedro da Cova" sido doado por D. Afonso Henriques a D. Pedro Rebaldis. Para entender parte da sua história vamos visitar o Museu Mineiro/Casa da Malta, seguida de caminhada (percurso fácil em suave descida) com algumas paragens para conhecer um pouco mais do Património Mineiro (os bairros operários, as casas dos capatazes, o “palácio” do diretor, a farmácia, o posto de saúde, a cooperativa, a padaria, etc.) e o CAVALETE de S. Vicente.

NOS CAMINHOS DA FILIGRANA:
Gondomar é um território conhecido pela Ourivesaria. A Filigrana é campo privilegiado na ourivesaria gondomarense e a produção artesanal é realizada em pequenas oficinas, de cariz familiar, utilizando técnicas que passam de uma geração para outra. Depois do Workshop no CINDOR, onde os visitantes são convidados a criar uma peça que é oferecida no final, segue-se a visita a uma oficina, com trabalho ao vivo por um filigraneiro.

Participação: 37,50€
(inclui transporte, almoço, seguro e peça criada no Workshop)
Limite de 40 participantes
Inscrição e pagamento prévio

■ Concentração do Grupo na UPP: 09.00h.
■ Regresso à UPP (Previsão): 18.00h.

Consulte folheto

Ficheiros: 

"SERINGAS PARA CUBA" NA UPP RENDEU 2.397,75 EUROS

A campanha de solidariedade "Seringas para Cuba" promovida pela UPP rendeu o significativo valor de 2.397,75 euros.

Esse valor foi já transferido para a Associação de Amizade Portugal-Cuba que, em Portugal, coordena a campanha.

O bloqueio dos EUA a Cuba mata.

A solidariedade salva vidas.

CONVÍVIO DE VERÃO NO JARDIM DA UPP

Sábado, 3 julho – Jardim da UPP, 19H30

Jantar Convívio "Churrasquinho".

Animação musical com Ana Ribeiro

Embora com inscrições limitadas pelas regras de segurança sanitária, este ano vamos reencontrar-nos de novo com música e alegria!

O convívio e partilha de afectos fazem parte da actividade da UPP enquanto espaço de reflexão crítica, de valores, ideias, causas, compromissos, criação, iniciativa e de transformação no sentido que um outro mundo melhor seja possível.

Contamos consigo! Inscreva-se já!

Vamos conviver respeitando as medidas de segurança recomendadas de distanciamento e higienização, sem esquecer a máscara.

VER, PF, O CARTAZ ANEXO

INSCRIÇÃO: 10 upps / Pagamento no ato da inscrição. Lotação limitada.

TESOUROS DA TORRE DO TOMBO, com Silvestre Lacerda

A UPP - Universidade Popular do Porto tem o prazer de anunciar para o dia 17 de Junho, às 18H00, uma conferência, transmitida pela internet e com participações presenciais, com o Diretor do Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Silvestre Lacerda, sobre os Tesouros da Torre do Tombo e as formas de aceder ao Portal Português de Arquivos.

INSCREVA-SE com email para
upp.secretaria@gmail.com
indicando se prefere participação presencial ou online.

O Arquivo Nacional da Torre do Tombo guarda documentos originais desde o séc. IX (882 é a data do original mais antigo) até à atualidade e conta no seu acervo com cerca de 100 Km de documentação. Alguns desses documentos são autênticos tesouros da memória e identidade de Portugal e dos portugueses, constituindo ainda salvaguarda de direitos e deveres dos cidadãos.
A sua consulta é uma viagem no tempo para contacto com as evidências que nos foram legadas pelos nossos antepassados. Nessa viagem pode-se acompanhar as vivências sociais da população portuguesa e a sua interação com os demais povos do planeta.
Correspondendo à importância que o seu acesso pode ter para todos, a UPP - Universidade Popular do Porto promove na quinta-feira, 17 de Junho de 2021, pelas 18h00, uma sessão de divulgação do Arquivo Nacional da Torre do Tombo e da Rede de Arquivos Portugueses em que serão difundidas várias formas possíveis de acesso a esses arquivos, incluindo por meios remotos como a internet.
Esta conferência será apresentada por Silvestre Lacerda, Diretor do Arquivo Nacional da Torre do Tombo, e realizar-se-á a partir da sede da UPP, com participações presenciais limitadas às regras de segurança sanitária e com transmição pela internet através da plataforma zoom.

Data: 
Quinta, Junho 17, 2021 - 18:00

VIDEOCONFERÊNCIA EM 14 DE JUNHO: À CONVERSA COM O ESCRITOR NUNO HIGINO

No dia 14 de Junho, segunda-feira, às 18H00, na iniciativa "A Universidade Popular do Porto à conversa com escritores", o escritor convidado será Nuno Higino.
Nesta conversa, que visa conhecer o autor e a sua obra, o interlocutor será o crítico literário e também escritor José António Gomes.

A participação é livre, com inscrição prévia por email para upp.secretaria@gmail.com

b>Nuno Higino nasceu em 1960, em Felgueiras. Concluiu, em 2007, o doutoramento em Madrid, na Faculdade de Filosofia da Universidade Complutense, tendo procurado, na sua investigação, interpretar os desenhos de Álvaro Siza a partir de Jacques Derrida. É professor de Estética e História da Arte na Universidade Fernando Pessoa, responsável editorial da Letras e Coisas e programador na Casa das Artes de Felgueiras. Publicou poesia, estudos e ensaios sobre estética, e livros para a infância e a juventude - um conjunto marcado pela coerência ideotemática e formal/expressiva.

Bibliografia selectiva: Poesia – Talvez Deus se Tenha Enganado (2005), Letras e Coisas; Rios Sedentos (2015), Letras e Coisas; O Vazio do Mundo (2018), Letras e Coisas. Ensaio –Álvaro Siza: Desenhar a Hospitalidade (2010), Casa da Arquitectura; Álvaro Siza: Anotações à Margem (2015), Nota de Rodapé; Assim e Assado: Textos sobre Estética da Arte (2018), Letras e Coisas. Literatura para a Infância e a Juventude – A Mais Alta Estrela. Sete Histórias de Natal (1998), Cenateca; A Libelinha que Tocava Flauta (1999), Ass. Convento de S. Payo; A Rainha do País dos Frutos (2000), Cenateca; O Menino que Namorava Paisagens e Outros Poemas (2001), Campo das Letras; A Anja de Hálito Azul (2002), Cenateca; O Senhor Outono e o Lagarto Amigo das Palavras (2002), Campo das Letras; Todos os Cavalos e mais Sete (2003), Cenateca; O Crescer das Árvores (2003), Campo das Letras; Onde Dormem os Pássaros? (2006), Caminho; A Maçã Vermelha. Viagem à Infância de Sophia de Mello B. Andresen (2007), Letras e Coisas; O Meu Primeiro Livro de Viagens (2008), Letras e Coisas; Versos Diversos (2008), Trinta por uma Linha; O Cavalo que Engoliu o sol. Histórias da Vida de S. Paulo (2008), Letras e Coisas; A Trote e a Galope: Poesia para a Infância (2017), Letras e Coisas; Águas de Infância (2019), Letras e Coisas.

Data: 
Segunda, Junho 14, 2021 - 18:00

ESGOTADOS OS LUGARES DA VISITA DE ESTUDO "3 DIAS NO ALENTEJO"

Pouco depois de anunciada a Visita de Estudo "3 Dias no Alentejo", todos os lugares disponíveis para um autocarro foram preenchidos.
As inscrições posteriores ficarão em fila de espera e serão consideradas se se reunirem as condições já anunciadas.

VISITA DE ESTUDO "3 DIAS NO ALENTEJO"

Os sítios e as Gentes. O Património. Os aromas…
e muito mais!

No espírito de responsabilidade que a situação exige, têm estado a ser avaliadas as condições que garantam a concretização com êxito da visita. Depois de um ano de interregno devido à pandemia, vamos pela 14ª vez ao Alentejo para, durante 3 dias (23, 24 e 25 de Setembro) e seguindo o programa previsto para o ano passado, cirandar por Évora, Monsaraz, Cromeleque dos Almendres e Grande Lago de Alqueva. E não esquecemos o “Cante”.

IMPORTANTE:

1. Lembramos que os titulares de crédito das inscrições em visitas não realizadas têm possibilidade de transferir a inscrição para esta, bastando que - se ainda o não fizeram - nos transmita a sua decisão até ao próximo dia 25. Após aquele dia, os lugares condicionados ficam livres para outros interessados.

2. Conforme expresso na nota informativa constante no folheto anexo, a UPP reserva o direito de não concretizar a visita por condicionantes relacionadas com a pandemia Covid-19, incluindo a impossibilidade de ocupação integral do Bus.

Lembramos que, por efeito das inscrições transitadas do ano passado, restam muitos poucos lugares prevendo-se que – a exemplo dos anos anteriores - os lugares esgotem rapidamente.

E, como a visita não se repete, depois pode ser tarde… Assim, o melhor é inscrever-se já!

A terminar, repetimos a sugestão dos anos anteriores:

Seja alentejano de corpo e alma por 3 dias!

Anexo: Folheto

Páginas

Subscribe to Universidade Popular do Porto RSS